Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

mini-saia

O blog de Mónica Lice.

31
Dez19

Diptyque Philosykos perfume

(review)

Mónica Lice

Diptyque Philosykos perfume

 

Na casa onde cresci e mais brinquei - a casa dos meus avós maternos - havia uma enorme figueira, que ainda hoje perdura, bem ao lado do jardim.

 

Habituei-me, por isso, desde cedo, a apreciar as mudanças naquela árvore gigante, a ver como caíam as folhas, no outono, a apreciar como resistiam os troncos às tempestades e ventanias do inverno, e como pespontavam as folhas, já na primavera, que cresciam e floresciam para, no final do verão, nos darem suculentos figos, que só anos mais tarde aprendi a amar e a apreciar.

 

Cresci, por isso, com o aroma a figo entranhado em mim. Acho que nunca me apercebi disso, em criança e já jovem.

 

Só muitos anos mais tarde, adulta feita, me apercebi do quanto adorava o aroma a figo - começando o mesmo a ser um dos meus preferidos e mais procurados, sempre que comprava ou experimentava um novo perfume ou colónia.

 

Por isso, é fácil de perceber que me rendi de imediato ao perfume Diptyque Philosykos, inspirado na memória de umas férias de verão, no Monte Pelion, na Grécia, em que para chegar ao mar era necessário passar por uma frondosa figueira.

 

Daí, resulta evidente, na fragrância, a figueira, em todas as suas dimensões: as folhas grandes e suculentas da árvore, os figos, maduros e melosos e os seus troncos, compridos e fortes.

 

Se gostam de aroma a figo, tanto quanto eu, vão, por isso, adorar este perfume! Com ou sem memórias afetivas associadas a este fruto, o Diptyque Philosykos é um amadeirado inebriante e doce, unissexo, que merece ser conhecido e é um dos best sellers da marca francesa (mais conhecida pelas suas velas, mas com perfumes igualmente maravilhosos).

 

O meu veio da Notino, a loja online de beleza, que já se tornou uma referência cá em casa, com imensas marcas, incluindo várias de difícil acesso no nosso país, como a Diptyque.

 

Diptyque Philosykos perfume

Sigam-me

Escrevam-me:

Captura de ecrã - 2016-02-17, 12.17.17.png

aminisaia@gmail.com

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D