Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

mini-saia

O blog de Mónica Lice.

03
Abr17

Diverte-te a fazer o bem!

Mónica Lice

canda.jpg

 

O mote está dado e não podia ser mais divertido: pôr pequenos e graúdos a cantar e, com isso, a ajudar quem mais precisa! E como funciona, perguntam vocês. Eu explico...

 

A iniciativa partiu da C&A, conhecida pelas suas ações de solidariedade social, e na sequência do acordo global entre a marca, a Fundação C&A e a Save the Children, entidade com a qual a C&A tem vindo a colaborar em situações de crise, como aconteceu depois do tufão Haiyan (em 2013) e da crise com o Vírus Ébola na Serra Leoa (em 2014).

 

Para além do financiamento direto que é feito, a marca tem tentado envolver os seus colaboradores e clientes nestas ações e, neste sentido, acaba de lançar um novo desafio, que visa envolver as crianças numa campanha de responsabilidade social muito especial, para ajudar a Save The Children.

 

Inspirada pela conhecida "canção dos copos" (que ficou famosa através do filme Pitch Perfect), a C&A convida todas as pessoas a gravarem um vídeo ou a fazerem uma fotografia onde mostrem que estão a interpretar a canção. O mesmo deve ser partilhado na página do Facebook, e por cada vídeo ou foto partilhados com a hashtag #CandACharityCup, €5 serão doados pela C&A à Save The Children.

 

Mas não é tudo! Estão todos convidados a passar numa loja C&A nos dias 7,8 e 9 de abril, onde poderão aprender, de forma divertida, e através de uma dinâmica alusiva a esta campanha, a interpretar a canção “Cups”. Ah, e vale a pena assinalar que nestes dias, toda a coleção de criança vai estar com 20% de desconto!

 

Fica a ideia, em tom de desafio! Comecem a praticar com os vossos miúdos, enquanto lhes incutem a necessidade de ajudar quem mais precisa. Depois é só partilhar no vosso Facebook (não precisam expor caras), tendo o cuidado de inserir o hashtag #CandACharityCup, e nomeando um amigo. É ainda importante confirmarem que a publicação está em modo público e não privado, para que possa ser vista e contabilizada para efeitos da doação.

 

A Save The Children agradece e eu também!

 

Acompanhe também as novidades no Facebook e no Instagram (@monicalice).

20
Fev17

Oceanário de Lisboa

Mónica Lice

oceanário4.jpg

 

Sábado levamos a Laura, pela primeira vez, ao Oceanário. Não sabia muito bem qual seria a reação ao aquário gigante e àquele ambiente, pelo que fui adiando esta visita, embora achasse, nos últimos tempos, que, dada a sua paixão por animais, iria gostar.

 

O convite para conhecer o Programa Membership do Oceanário foi, desta forma, o pretexto mais do que perfeito para a levarmos pela primeira vez a ver os peixes e outros animais marinhos bem de perto.

 

A visita acabou por se revelar num programa bem agradável para toda a família. A Laurinha delirou com o aquário gigante e o movimento dos animais, e a excitação foi tal que andou sempre desperta, não querendo ir embora no final.

 

Pela nossa parte, prometemos voltar! O Programa Membership Família, ao qual, entretanto, aderimos, dá acesso a um Free Pass Anual para dois adultos e duas crianças, entre muitas outras vantagens e benefícios, que podem espreitar aqui. E custa €85, o que acaba por compensar bastante, tendo em conta o preço unitário de uma só visita.

 

oceanário.jpg

oceanário5.jpg

oceanário2.jpg

A Laura está a usar uma camisa da Zippy e um vestido Tocotó Vintage.

Acompanhe também as novidades no Facebook e no Instagram (@monicalice).

20
Nov16

Pipocas com caramelo salgado

Mónica Lice

Captura de ecrã - 2016-11-20, 20.38.22.png

 

Cá em casa, sou, até ao momento, a mais gulosa. Por isso, não resisto a alguns snacks ao fim-de-semana, sobretudo quando são de chuva, como aconteceu hoje, e pedem revistas e filmes, já com mantas a acompanhar.

 

As pipocas são, assim, companhia frequente, ora numa versão mais light (em que uso apenas óleo de coco), ora numa versão mais calórica, mas deliciosa, como esta versão, de pipocas com caramelo salgado (adaptada de uma receita do Chef Ramsay).

 

Ingredientes necessários:

Milho para pipocas q.b.

Óleo q.b.

2 a 3 colheres de açúcar

1 pitada de sal

1 colher de manteiga

 

Modo de preparação:

Para as preparar, começo por fazer as pipocas, usando um pouco de óleo (de girassol ou de coco) no fundo de uma panela com tampa e uma boa porção de milho.

 

A partir do momento que sinto o primeiro estalar, começo a abanar frequentemente a panela, sempre tapada, para evitar que o milho queime e garantir que todo ele abre, dando lugar a deliciosas pipocas.

 

Depois de terminar o estalar, coloco as pipocas num recipiente e, na panela, coloco açúcar (cerca de 2 a 3 colheres), bem como uma pitada de sal, voltando a mesma novamente a lume brando, para não queimar. 

 

Convém ir mexendo sempre, de forma a garantir que o açúcar derreta na perfeição, ficando ligeiramente castanho. Nesta altura, junto uma colher generosa de manteiga, que deverá derreter completamente no açúcar.

 

Depois de tudo bem fundido, fecho o fogão e coloco de imediato as pipocas lá dentro, mexendo muito bem, de forma a que grande parte delas fique coberta com o caramelo.

 

Depois é só esperar um pouco que arrefeça e saborear!

 

Imagem via Pinterest.

 

Acompanhe também as novidades no Facebook e no Instagram (@monicalice).

15
Nov16

Julieta

Mónica Lice

Captura de ecrã - 2016-11-13, 22.28.19.png

 

Cerca de um ano e meio depois, volto a uma sala de cinema, para ver um filme do início ao fim. Deixei de o fazer nos últimos tempos de gravidez, quando a barriga, grande e volumosa, não combinava com muito tempo na mesma posição ou sem uma casa de banho por perto.

 

"Sobrevivi" este tempo todo sem ver um único filme numa sala de cinema. É verdade que senti falta, mas valeu-me a box da televisão que, com atraso, é certo, me permitiu uma atualização em termos cinematográficos.

 

Sábado foi o dia do regresso a uma sala de cinema. Fã desde os meus primeiros tempos de Faculdade do génio de Almodóvar, escolhi Julieta, para o "regresso" da, agora, mãe, ao cinema, volvidos quase dois anos desde o último filme.

 

Levei como companhia um saco de pipocas, doces e salgadas (as minhas preferidas), e escolhi um cinema razoavelmente calmo àquela hora do dia.

 

Deixei-me levar pela banda sonora, absolutamente genial, como todas as outras, dos filmes do cineasta espanhol, e envolvi-me no drama familiar do filme, que cativa do início ao fim.

 

Soube bem voltar ao cinema, assim como soube bem voltar a casa, para junto dele e dela - os protagonistas do filme da minha vida...

 

Acompanhe também as novidades no Facebook e no Instagram (@monicalice).

Sigam-me

No facebook

Escrevam-me:

Captura de ecrã - 2016-02-17, 12.17.17.png

aminisaia@gmail.com

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D