Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

mini-saia

O blog de Mónica Lice.

16
Fev17

5 perguntas e respostas sobre cremes

Mónica Lice

Captura de ecrã - 2017-02-13, 11.22.34.png

 

Ao longo destes mais de 11 anos de blog, tenho recebido inúmeras perguntas sobre cuidados de rosto e sobre os cremes que devem ser aplicados.

 

Hoje reuni algumas das principais questões, bem como as respostas que normalmente costumo dar. Ora espreite:

 

1. Como escolher o melhor creme para a minha pele?

Mais do que ter em conta a idade, é fundamental ter em conta a necessidade da mesma. Há peles secas, a necessitar de produtos com óleo, peles oleosas a necessitar de produtos que regulem a produção de sebo e equilibrem a pele, peles desidratadas a necessitar de água, peles mais maduras a necessitar de produtos que previnam o envelhecimento ou que atuem ao nível das rugas, manchas, linhas de expressão...

A lista é longa, mas cabe a cada uma de nós perceber qual a necessidade da SUA pele (atenção que podem ser duas ou mais necessidades) e tratar dela em consonância com isso.

 

2. Posso usar apenas um creme, ou tenho sempre que acompanhá-lo com um sérum?

Os séruns não são absolutamente fundamentais - se tiver que usar apenas um produto, o ideal é que use sempre um creme. No entanto, são muito importantes e o meu conselho é que, se conseguir, use um.

Isto acontece porque os séruns são produtos mais concentrados, com ingredientes ativos que, dada a natureza do produto, penetram e atuam mais rápida e eficazmente. No entanto, dada a sua natureza, os séruns não contém o factor hidratação/proteção, fundamental a qualquer tipo de pele, mesmo oleosa. Por isso, um creme é muito importante, devendo ser usado após o sérum.

 

3. Posso usar sempre o mesmo creme ou devo ir mudando de cremes, com frequência, para não criar habituação?

À partida, não existe risco de habituação, dada a renovação celular a que a pele está sujeita. Isso faz com que sejam sempre células diferentes a receber o produto.

O fundamental, aqui, é perceber se o produto lhe está a fazer alguma coisa à pele ou não. Se, após um mês/um mês e meio de aplicação, notar a pele igual, é provável que o produto não seja o mais indicado para si. Assim, equacione mudar de creme, até encontrar o produto perfeito, que, dia após dia, tornará a sua pele mais bonita.

 

4. Tenho 20 anos. É cedo para usar um anti-rugas?

Tudo depende do tipo de pele em causa. Pode ser uma pele que, apesar de jovem, já sofreu várias agressões (poluição, excesso de sol e escaldões, tabaco, entre outros), pelo que tem propensão para desenvolver mais rapidamente rugas e, por isso, aplicar um creme de prevenção das mesmas pode não ser descabido.

Fora destes casos, e em situações mais normais, os produtos anti-rugas podem ser demasiado ricos para uma pele jovem e, por isso mesmo, podem acabar até por obstruir poros e provocar pequenas borbulhas, devendo ser evitados nestas idades.

 

5. Posso usar o mesmo creme de dia e à noite, ou não?

Há produtos que são específicos de dia ou de noite, enquanto que há outros que não especificam a altura do dia em que devem ser aplicados.

Quando há especificação, o melhor será respeitar a indicação, até porque o creme de dia tem, na maior parte dos casos, fator de proteção solar, não havendo qualquer vantagem em sobrecarregar a pele com filtros solares quando ela vai para a cama e não precisa deles.

Assim, quando há esse fator de proteção, o melhor é usar o produto apenas durante o dia, reservando para a noite, outro, que não o tenha.

Quando o produto não faz qualquer especificação, poderá, à partida, ser usado pela manhã e à noite. No entanto, é sempre aconselhável usar depois do creme, pela manhã, um protetor solar, de forma a proteger-se dos efeitos nefastos do sol.

 

Imagem via tatcha.com.

Acompanhe também as novidades no Facebook e no Instagram (@monicalice).

16
Jan17

Quando começar a usar um anti-rugas?

Mónica Lice

Captura de ecrã - 2017-01-10, 15.42.43.png

 

Esta é uma questão que costumo receber com frequência - com que idade se deve começar a usar um produto anti-rugas?

 

Com a experiência e os anos, percebi que não é possível balizar, em termos de idades, o que deve ser feito, a este nível. Cada mulher é distinta e tem necessidades distintas, em termos de envelhecimento cutâneo.

 

Para terem uma ideia do que escrevo, conto-vos um pouco da minha experiência pessoal. Com 23 anos, fui para a Guiné-Bissau trabalhar. Na altura, usava muita pouca cosmética - e lembro-me de começar a usar nos primeiros três meses em que lá estive um hidratante que tinha um fator de proteção solar baixinho (15, se não estou em erro). Usava-o apenas pela manhã, antes de sair de casa, e não mais me voltava a preocupar com o assunto.

 

Três meses depois, com o meu regresso de férias a Portugal, percebi que a pele não estava a reagir bem a apenas aquela proteção solar. Eu andava por lá muito a pé e estava exposta à luz solar de manhã à noite. Consequências? Comecei a notar umas ligeiras manchas e uma pele um pouco mais envelhecida.

 

Nessas férias decidi mudar e em boa hora o fiz. Para além de um creme com factor de proteção solar elevado (50, para ser mais precisa), comprei, um pouco às cegas, confesso, o Advanced Night Repair da Estée Lauder e, graças a este sérum maravilha (que tem uma ação global antienvelhecimento e que ajuda a pele a recuperar durante o sono), que ainda hoje continua a ser dos meus preferidos, as manchas atenuaram o seu aspeto e a pele melhorou substancialmente.

 

De lá para cá, não mais descurei dos cuidados anti-envelhecimento e procurei usar produtos que ajudassem a atrasar esse envelhecimento. A minha pele oleosa faz com que as rugas apareçam um pouco mais tarde do que se tivesse uma pele seca, mas, minhas amigas, não existem milagres! Desde aí que cuidei sempre com muito rigor da minha pele (Já o fazia desde os 12, quando comecei a ser atacada por acne severo) e estou certa de que isso tem ajudado bastante a retardar o seu envelhecimento.

 

Por isso, mais do que idades, cada pessoa deverá perceber se a sua pele e os factores externos a que está sujeita necessita já ou não de cuidados anti-envelhecimento.

 

Há factores que condicionam esse envelhecimento, e que podem e devem ser tidos em conta:

 

1. Causas hereditárias (as vossas mães e avós tiveram rugas muito cedo, ou não?).

2. Tipo de pele - oleosa ou muito seca.

3. A exposição ao sol.

4. O tabaco.

5. Beber álcool com regularidade e uma alimentação desequilibrada.

6. O stress diário.

 

Se estiver abrangida por vários destes factores, é possível que a sua pele venha a envelhecer mais cedo e, por isso mesmo, deva antecipar os cuidados anti-envelhecimento.

 

Para ajudar, deixo-vos com algumas propostas de produtos que, pela sua composição, vão ajudar a retardar as primeiras rugas, prevenindo-as. De todo o modo, não se preocupa muito, as rugas são inevitáveis e são um sinal de que a vida está a passar, seguindo o seu curso natural...

 

Captura de ecrã - 2017-01-10, 15.39.51.png

1. Émulsion e Crème Secret Premières Rides da Eisenberg. A nova linha da marca (disponível nas lojas Perfumes & Companhia), concebida especificamente para combater os primeiros sinais de idade, dando à pele todo o cuidado e nutrição que necessita.

 

2. Le Soin Aura Mirabilis de Roger & Gallet. Esta marca francesa, conhecida pelas suas deliciosas colónias e sabonetes, lança agora a sua primeira linha de cuidado do rosto. Cada produto contem cerca de 18 plantes medicinais destiladas e foi buscar inspiração a um potente remédio natural chamado "Aqua Mirabilis", com mais de 300 anos, que podia ser bebido ou aplicado em todas as partes do corpo. Protegia da peste, curava as queimaduras e as feridas, preservava a saúde e conferia beleza.

A linha é composta por uma máscara desmaquilhante, um vinagre de beleza (que funciona com uma espécie de tónico), um sérum reparador que corrige e um hidratante que regenera, uniformiza e ilumina.

 

3. Force Vitale da Swiss Line - uma linha botânica anti-idade, com poderosos anti-oxidantes, que torna a pele visivelmente mais suave e hidratada, bem como protegida contra os sinais prematuros do envelhecimento.

 

4. The Body Shop Vitamina E - uma linha de hidratação, que ajuda a prevenir os primeiros sinais de envelhecimento da pele.

 

Acompanhe também as novidades no Facebook e no Instagram (@monicalice).

14
Dez16

Coffrets de beleza de Natal

Mónica Lice

Sou fã dos coffrets de Natal! São uma ótima forma de adquirirmos vários produtos a um preço mais económico e dão ótimas prendas de Natal, ideais para aquelas amigas ou familiares que adoram cuidar-se ou, então, que necessitam de um incentivo extra para o começar a fazer.

 

Este ano, e como já é habitual, não faltam propostas, bem atrativas, de coffrets de Natal de beleza. Deixo-vos algumas das minhas sugestões preferidas, atualmente disponíveis no mercado...

Captura de ecrã - 2016-12-12, 22.20.22.png

1. Kit Happy Sweet Hand Butter Trio Tony Moly (na Sephora) - €12,55.

2. Coffret The Ritual of Ayurveda The Rituals (€29,50).

3. Coffret da linha de Morango The Body Shop (€38).

4. Coffret Rose de Vigne Caudalie (€25,20).

5. Kit Cracker For Her da Cowshed (€16,50 no El Corte Inglés).

6. Coffret de cuidados de corpo Nativa Spa Açaí O Boticário (€19,99).

7. Kit Little Snow Fairy da Lush, composto por uma barra de Snow Fairy e um gel de banho (€14,95).

8. Coffret de cuidados de rosto Antimanchas Anjelif (€39,99).

Acompanhe também as novidades no Facebook e no Instagram (@monicalice).

09
Nov16

6 cremes de mãos para este outono

Mónica Lice

cremedemãos1.jpg

 

Com a chegada do frio, a pele é das primeiras a sofrer com as sucessivas mudanças de temperatura. Neste campo, a pele das mãos é das mais sacrificadas, por estar mais exposta, e sujeita a lavagens constantes, a frio e calor, entre outras adversidades e desafios.

 

Por tudo isto, mimar as mãos diariamente é absolutamente essencial e deve fazer parte do nosso ritual de beleza.

 

Para o concretizar, pode ter um creme de mãos na mala ou secretária, e aplicar sempre que se lembrar ou então optar por colocar a embalagem na mesa de cabeceira e colocar nas mãos ao deitar.

 

Qualquer que seja a estratégia usada, vale tudo para não se esquecer deste passo e deste gesto. As suas mãos vão agradecer!

 

 

Acompanhe também as novidades no Facebook e no Instagram (@monicalice).

Sigam-me

No facebook

Escrevam-me:

Captura de ecrã - 2016-02-17, 12.17.17.png

aminisaia@gmail.com

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D