Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

mini-saia

O blog de Mónica Lice.

03
Out17

10 mudanças para começar (bem) o outono

Mónica Lice

FullSizeRender-2 (1).jpg

Perfume Boucheron, batom Clarins, Iluminador Burberry, óculos Céline na Olhar de Prata, relógio Timex.

 

1. Mude de penteado - aproveite a "desculpa" de que tem o cabelo seco do sol e da praia e livre-se, de uma vez por todas, dos centímetros de cabelo que estão a mais. Arrisque num penteado ousado ou, simplesmente, mude a cor de cabelo. Não se esqueça de escolher uma boa cabeleireira que a aconselhará da melhor forma, evitando resultados finais pouco felizes. Mas arrisque, acima de tudo, sem medos.

 

2. Mude de perfume. Se for fiel à mesma fragrância anos e anos a fio, atreva-se a apaixonar por outro perfume, que passará a ser a sua segunda "sombra". As opções são imensas, mas saber qual a família olfactiva que mais apreciamos pode ser um bom ponto de partida.

 

3. Mude de ginásio. Se não se sente motivada para fazer desporto com regularidade, talvez não esteja rodeada das pessoas certas e do ginásio mais adequado. Peça opinião a amigas, que se sentem motivadas, e atreva-se a experimentar novas práticas desportivas, noutro ginásio ou, quem sabe, mesmo ao ar livre (desde que bem acompanhada, para ter sempre motivação).

 

4. Mude a banda sonora das suas viagens de carro. Há quanto tempo não compra um CD? Não muda de estação de rádio ou de canal de Spotify?

 

5. Mude de óculos - quer sejam de sol ou de visão. Se necessitar, como eu, de óculos o tempo todo (uso lentes de contacto na rua, mas, em casa e no escritório, ponho sempre os óculos), talvez seja boa ideia mudar de óculos - armação e lentes incluídas. Os óculos são aquele acessório que está lá todo o tempo e, por isso, faz tão parte de nós que, muitas vezes, é relegado para níveis inferiores de atenção e importância. Mas não devia ser assim e cabe-lhe a si mudar isso!

 

6. Mude de mala/carteira. Aposte num modelo intemporal, de boa qualidade, numa cor neutra, para dar com tudo e não ter que andar a mudar de carteira todos os dias.

 

7. Mude de maquilhagem. É possível que esteja mais morena do que há 3 meses atrás - pelo que aquela base que tem pode já ser demasiado clara para si. Por isso, novos produtos, em novas tonalidades, podem ser uma boa aposta. Pelo meio, arrisque num batom vermelho - é daqueles itens de maquilhagem que fazem MILAGRES e que são tão simples de usar.

 

8. Mude de leituras. Arrisque em novos autores, pegue naquele livro esquecido na mesa de cabeceira ou, simplesmente, experimente uma nova revista, nacional ou, mesmo internacional - estas últimas são sempre tão inspiradoras e podem ser adquiridas online, por muito menos do que num quiosque.

 

9. Mude de hábitos alimentares. Tente preparar menus semanais, comprar mais legumes e fruta biológicos, comer menos fora e apostar na marmita saudável e feita por si.

 

10. Mude a decoração da secretária e o "papel de parede" do seu telemóvel. Uma pequena jarra de flores, uma foto especial das férias e uma imagem inspiradora no seu telemóvel - tudo motivos mais que suficientes para lhe arrancar um sorriso e a deixar bem disposta logo pela manhã.

 

Acompanhe também as novidades no Facebook e no Instagram (@monicalice).

02
Out17

Closet Cleaning

Mónica Lice

Screen Shot 2017-10-02 at 11.41.36.png

 

O meu fim de semana foi tudo menos glamoroso e foi dedicado ao closet cá de casa - que é, basicamente, uma divisão transformada em roupeiro, que partilho com o meu marido e que também serve para guardar puericultura, sapatos, malas de viagem, entre outras coisas...

 

Desde que fui mãe que compro muito menos coisas. Tento ponderar bem as compras que faço e evito comprar "fast fashion" ou peças muito marcantes, que sei que vou usar duas vezes e que depois vão ser guardadas.

 

Posto isto, devem estar a perguntar - mas então tiveste pouco para arrumar, certo? Pois, não é bem assim... É que guardo muita coisa, e, não obstante também dar imenso, acabo sempre por guardar...

 

Ou seja, havia muita coisa guardada que precisava mesmo de sair: porque já não vou querer usar, porque estava nova e nunca usei, porque estava velha ou porque, simplesmente, não serve nem servirá com toda a certeza tão cedo (já não tenho 20 anos e o corpo, por ótimo que esteja, já não é o mesmo)... Foram vários sacos de peças que se encheram num piscar de olhos e tornaram o roupeiro mais respirável.

 

Feita a arrumação e a limpeza, deixo-vos com algumas dicas úteis, que comecei a por em prática, e que podem ajudar aí em casa:

 

1. Arrume peças que não vai usar mas pretende manter em sacos de vácuo. São do melhor para quem tem pouco espaço, já que diminuem em quase metade o espaço normalmente ocupado pela roupa. Valem mesmo a pena! Certifique-se, porém, que coloca as peças bem limpas e direitas lá dentro.

 

2. Separe a roupa consoante o tipo de peça em causa. De um lado casacos, do outro casacos, camisas/blusas, vestidos e saias.

 

3. Use cabides de boa qualidade, se possível iguais e colocados na mesma direção no roupeiro.

 

4. Coloque saquinhos anti-traça nos roupeiros e saquetas de cheiro, para dar um perfume suave e agradável à roupa.

 

5. Da próxima vez que comprar alguma coisa, certifique-se que necessita mesmo daquela peça e que vai combinar com, pelo menos, 5 peças que já tem, dando azo a, pelo menos, 5 looks distintos.

 

6. Caso tenha dificuldade em desfazer-se da roupa, quando comprar uma peça nova, retire duas antigas.

Acompanhe também as novidades no Facebook e no Instagram (@monicalice).

18
Set17

Amamentação - dicas a ter em conta

Mónica Lice

nuk.jpg

 

Amamentar é, para mim, tão natural como mudar uma fralda ou dar banho - sempre foi assim, e ainda bem. Claro que não condeno nem teço qualquer juízo de valor em relação a quem não amamenta, por opção ou porque, simplesmente, não consegue.

 

Por muito que, para mim, seja algo absolutamente natural, que se faz sem teorizar, percebi, desde há muito, que, para muitas mulheres, há uma série de travões, sejam eles físicos ou psicológicos, a este gesto, tão natural.

 

Pessoalmente, tento não pensar, deixando que a natureza cumpra o seu dever (sempre em livre demanda, sem controlar horas ou minutos), e evitando qualquer tipo de stress que possa travar a produção de ocitocinas, que inibem a produção e saída do leite.

 

Antes de chegar a este ponto, confesso que li um pouco sobre o tema (os livros da Constança Ferreira foram fundamentais), para além de tudo o que aprendi no Curso de Preparação para o Parto no Centro do Bebé.

 

As vantagens do leite materno e da amamentação são imensas - nem vale a pena referi-las. Mas, aliadas a elas, há sempre alguns constrangimentos.

 

Um deles passa pela necessidade de ter sempre a bebé por perto - sobretudo na fase da amamentação exclusiva, em que não se alimenta com mais nada. Nesta fase, sair de casa sem ela é um desafio e, nestas alturas, vale-me a bomba de extração, que permite retirar o leite para, depois, ser o pai a dar-lhe.

 

Uma boa bomba de extração é, por isso mesmo, essencial para quem quer continuar a amamentar e tem que passar períodos mais ou menos longos fora de casa, longe do seu bebé. Neste campo, recomendo sempre bombas elétricas, preferencialmente com dois ritmos de extração - um que reproduz a estimulação, por sucção, que o bebé faz na maminha, antes mesmo do leite fluir, e, depois, e o outro que faz a fase da extração verdadeiramente dita, em que o leite é retirado.

 

A Luna da NUK é um bom exemplo deste género de bomba. A mesma permite controlar a velocidade de ambas as fases e tem a grande vantagem de funcionar com pilhas ou com eletricidade, o que facilita imenso o transporte e uso da bomba (para além de vir com vários adaptadores à corrente, que podem ser usados em diferentes países - bom para quem viaja muito).

 

Mas não é tudo! Uma vez extraído o leite, é importante usar um biberão que reproduza o modo como o leite sai da maminha da mãe. E isto porquê? Para que o bebé "não se habitue" a tetinas que fazem o leite fluir sem esforço e, depois, ao passar novamente para o peito, fique "preguiçoso", o que pode colocar seriamente em causa todo o processo da amamentação.

 

Assim, se amamenta e procura um biberão que não ponha em causa a amamentação do seu bebé, não escolha qualquer um. Escolha um específico para bebés que amamentam, como o Nature Sense da NUK, que se destaca por ter vários orifícios na tetina, que asseguram um fluxo de leite, de forma constante e natural, como acontece com o peito da mãe. Assim, o bebé, para conseguir beber, tem que fazer um esforço muito próximo do esforço que faz quando amamenta, levando também mais ou menos o mesmo tempo.

 

Para terem uma ideia, esta tetina está disponível em 2 tamanhos - dos 0 aos 6 meses (a que uso, neste momento) e dos 6 aos 18 meses, e possui ainda uma válvula anti-cólicas, para assegurar que o bebé não ingira ar enquanto bebe.

 

Escolhida a tetina e o biberão, um último conselho, em jeito de dica - a primeira vez que o usem, peçam para ser o pai ou outra pessoa a dá-lo, num dia em que não estejam em casa. Isto porque, se estiverem por perto, ainda que noutra divisão da casa, a criança sentirá o seu cheiro e pode mostrar alguma resistência ao biberão.

 

nuk1.jpg

 

nuk2.jpg

 

nuk3.jpg

 

Acompanhe também as novidades no Facebook e no Instagram (@monicalice).

31
Ago17

Águas detox #3

Mónica Lice

Captura de ecrã - 2017-06-27, 11.13.10.png

 

Partilho hoje por aqui outra receita de água detox. Se ainda nunca experimentou, ponha mãos à obra e delicie-se...

 

Água detox de pepino

 

Ingredientes:

Meio pepino (ou um inteiro, se for pequeno)

folha de hortelã a gosto

1 limão (ou lima)

água (1 litro e meio a 2 litros, consoante a capacidade do recipiente que for usar)

 

Modo de preparação:

Comece por lavar muito bem, quer o pepino, quer a casca do limão, quer, ainda, as folhas de hortelã. Quanto a estas últimas, pode deixá-las alguns minutos de molho em água, para facilitar a limpeza.

De seguida, corte o pepino, com as casca, em rodelas finas. Faça o mesmo com o limão. Junte tudo à água e às folhas de hortelã.

Coloque a mistura no frigorífico e reserve algumas horas, antes de beber ou servir.

 

Imagem via resveralife.com.

 

Acompanhe também as novidades no Facebook e no Instagram (@monicalice).

Sigam-me

No facebook

Escrevam-me:

Captura de ecrã - 2016-02-17, 12.17.17.png

aminisaia@gmail.com

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D