Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

mini-saia

O blog de Mónica Lice.

13
Out16

Juntas contra o cancro da mama

Mónica Lice

Está em marcha a campanha “Juntas contra o cancro da mama” - lançada pelos cereais FITNESS em parceria com a Associação LAÇO, com o intuito de sensibilizar para esta causa, e, ao mesmo tempo, apoiar a investigação no diagnóstico e tratamento do cancro da mama.

 

 

Um dos lemas da campanha passa por chamar a atenção para a importância de manter um estilo de vida saudável. Neste campo, a prática de exercício físico regular é fundamental. E vale tudo para combater o sedentarismo: trocar o elevador pelas escadas, deixar o carro e andar a pé ou de transportes públicos, caminhadas ao final do dia ou pela manhã, dançar (muito) ou, claro, idas regulares ao ginásio.

 

Para além disso, é fundamental não descurar as consultas de rotina, que podem levar a uma possível uma deteção precoce da doença e ser a pedra de toque para a sua cura.

 

Vale, por isso, a pena juntarem-se a esta causa e levem-na mais longe. Adiram ao evento SÊ CRÍTICA COM O TEU CORPO, no Facebook, e, ao fazê-lo, os cereais FITNESS doam €1 à LAÇO, contribuindo assim para a investigação, através do Fundo iMM – Laço: A caminho da cura.

 

Imagem embalagem copy (1).jpg

 

Acompanhe também as novidades no Facebook e no Instagram (@monicalice).

13
Out16

Caxemira

Mónica Lice

Captura de ecrã - 2016-10-11, 14.03.11.png

 

 

Desde que usei, há alguns anos atrás, a minha primeira camisola de caxemira, que tenho dificuldade em usar outro género de material em camisolas.

 

Sendo friorenta, este material é do melhor, por ser efetivamente quente, sem pesar. Ou seja, não preciso vestir uma camisola em malha grossa e super volumosa para conseguir estar quentinha.

 

Desde aí que a minha busca em direção às camisolas quentinhas perfeitas, de caxemira, começou. Isto porque o material não é barato e as camisolas costumam ser caras, levando-me sempre a questionar se valerão mesmo a pena ou não (há caxemiras melhores que outras - embora, todas elas tenham tendência a criar um pouco de borboto, depois muita utilização).

 

Convém perceber que as camisolas de caxemira não são todas iguais em termos de calor. Tudo depende do número de camadas de fios de caxemira que as compõem, tornando-as mais quentes (se tiver mais camadas), ou mais frescas (se tiver menos).

 

Uma vez encontradas as camisolas perfeitas, a sua manutenção em casa requer alguns cuidados. Nunca a ponham numa máquina de lavar! Conselho de amiga! Escreve-vos aquela cujo marido colocou inadvertidamente uma camisola na máquina, que passou de um M para um "5 anos", em poucos minutos.

 

Lavem-nas à mão, com um detergente especial para lãs (se não tiverem, um pouco de champô suave também serve) e coloquem-nas esticadas por cima das cordas/fios, preferencialmente, com uma toalha por baixo, para não deformar a peça.

 

Assim, verão que se a peça for bem cuidada, pode durar anos em excelente estado. E se criar borboto, podem sempre recorrer a uma máquina para as retirar (há quem aconselhe a passar uma gillette, mas ainda não o testei).

 

E, agora, a resposta à pergunta que devem estar a fazer - onde encontrar boas camisolas de caxemira, que não custem uma fortuna?

 

 

Acompanhe também as novidades no Facebook e no Instagram (@monicalice).

13
Out16

ModaLisboa Together (2.º look)

Mónica Lice

mlx88.jpg

 

No domingo, como pretendia ver mais desfiles, incluindo o último - do Luís Carvalho (sobre o qual escrevei em breve), optei por levar um agasalho, já que as temperaturas, doidas, prometiam descer a pique com o por do sol.

 

Foi, por isso, o pretexto ideal para estrear o meu novo casaco Purificación Garcia, lindo e quentinho, com uma gola amovível, e, por isso, bastante versátil e atual.

 

Como o casaco já tinha cor mais que suficiente, o resto das peças foram em tons neutros, mas plenas de detalhes - como as calças, de cintura subida, com botões dourados na lateral, a blusa tipo pólo, que me remete imediatamente para os Anos 70 e a carteira, que, de perto, revela uma textura em flores, super original.

 

Ficam as imagens, captadas em pleno Terreiro do Paço...

 

mlx11.jpg

Acompanhe também as novidades no Facebook e no Instagram (@monicalice).

Sigam-me

No facebook

Escrevam-me:

Captura de ecrã - 2016-02-17, 12.17.17.png

aminisaia@gmail.com

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D