Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

mini-saia

O blog de Mónica Lice.

28
Mar16

ModaLisboa outono-inverno 2016/17

Mónica Lice

Há poucas semanas teve lugar mais uma edição da ModaLisboa. Este ano, e mais uma vez, marquei presença em alguns dos principais desfiles e fiquei bastante inspirada por várias coleções e coordenados.

 

Vale a pena ficar de olho nas novidades que nos trazem designers como Pedro Pedro (adorei os casacos em vinil preto), Christophe Sauvat (calças com aplicações douradas nas perneiras maravilhosas), Luís Carvalho (sobretudos lindos!) e Carlos Gil - que mostrou uma coleção coesa do início ao fim, cheia de apontamentos bem femininos e super elegantes.

 

Apesar de ainda faltar algum tempo para o próximo outono-inverno, não resisto a mostrar por aqui algumas das principais tendências que foram vistas no Pátio da Galé. Ora espreite...

 

modalisboa1.jpg

Camisas brancas foram uma constante em várias coleções. E foram vistas sobretudo por debaixo de outras peças, como vestidos ou corpetes - o que dá logo uma ar cool e super moderno ao visual, e é bastante fácil de recriar. Fica a dica!

 

modalisboa3 (2).jpg

Em termos de cores, o verde, sobretudo numa versão mais pistáchio, apareceu em várias coleções e em várias peças, incluindo casacos e vestidos.

 

modalisboa2.jpg

O pelo raramente sai de moda e, no próximo outono-inverno, volta a usar-se em força, sobretudo em casacos ou em pequenas aplicações em golas ou mangas.

 

 

Acompanhe também as novidades no Facebook e no Instagram (@monicalice).

28
Mar16

As 7 peças básicas da parisiense

Mónica Lice

Por mais voltas que demos, não podemos negar que as parisienses têm estilo a rodos e parece que qualquer trapinho lhes assenta bem.

 

Viver na cidade da moda, que transpira estilo em todos os seus poros com certeza que ajuda bastante. Mas não só! Há dicas que ajudam, e peças básicas, essenciais nos seus guarda-roupas, também.

 

Quer saber quais são? Inès de la Fressange, no seu livro A Parisiense, desvenda quais as 7 peças-básicas que não devem faltar no guarda-roupa da mulher que tem em Paris a sua morada. Aqui ficam elas...

IMG_1061 (1).JPG

 

1. O blazer masculino - para usar com um toque feminino, e, desta forma, dar a volta à peça e torná-la nossa.

Arregaçar as mangas, colocar um cinto, conjugar com jeans - as opções são imensas, basta um pouco de imaginação e bom gosto.

 

2. O trench-coat - preferencialmente bege, muito ao estilo Burberry.

Usa-se com tudo e deve ser assumido com uma espécie de segunda pele. O cinto deve ser sempre amarrado, com estilo, e a gola deve estar ligeiramente amassada, para suavizar o seu aspeto mais rígido.

 

3. A camisola de caxemira em azul escuro.

Encontrar peças em caxemira, de qualidade, e que não custem um balúrdio, não é complicado. Este é um material que, se bem cuidado, aguenta várias estações com bom ar. Inès aconselha a juntá-la a uns jeans brancos e a um blusão em pele, para um look de estrela, que dificilmente passará despercebido.

 

book1.jpg 

4. Os tops de manga cava e decote em U.

São peças secundárias, mas estão sempre lá, a compor o visual. Devem ser em cores neutras, como o branco, o preto, o cinza, o azul escuro ou o caqui.

 

5. O vestido preto básico

Simples e elegante, funciona em imensas ocasiões e pode ser a nossa "salvação" para aqueles eventos/compromissos cujo dress code não está definido em lado nenhum.

Para um visual de celebridade, Inès recomenda que o juntemos a uns óculos de sol XL e a umas sabrinas pretas.

 

6. Calças de ganga

Neste campo, Inès é peremptória - por muito que andemos a discutir que tipo de jeans se usa mais, no momento, os modelos de corte direito acabam por ser sempre os mais duradouros, e a escolha óbvia da maior parte das parisienses. Para além disso, e como a própria diz, "o modelo ideal é o que nos fica melhor".

Para além das tradicionais em azul (em diferentes lavagens) e em preto, há que apostar ainda num modelo em branco, que pode e deve ser usado também no inverno.

 

7. O blusão em pele

Neste campo, Inès defende que quanto mais usado, mais bonito fica. Por isso, aconselha a colocá-lo, depois de comprado, debaixo do colchão várias noites, antes de o vestir. Confesso que nunca o fiz, mas não deixa de ser uma ideia interessante e, até, algo bizarra, mas que pode funcionar... 

No inverno, pode ser usado debaixo de um sobretudo comprido, dando logo um toque de irreverência ao visual.

 

book2.jpg

 

 

Acompanhe também as novidades no Facebook e no Instagram (@monicalice).

Sigam-me

No facebook

Escrevam-me:

Captura de ecrã - 2016-02-17, 12.17.17.png

aminisaia@gmail.com

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D